Posted tagged ‘Mensalão’

Privataria Tucana em vídeo. Próxima CPI?

17 de outubro de 2012

 

Resumo em vídeo das ideias principais do livro “A Privataria Tucana”, de Amaury Ribeiro Jr.. o vídeo é curto, mas deixa entrever a profundidade e a densidade do livro, uma grande lição de história recente.

O livro faz muito mais do que apontar imoralidades: mostra a montanha de dinheiro que foi literalmente roubada dos cofres públicos através das privatizações da época de Fernando Henrique Cardoso, com o auxílio luxuoso de José Serra, mostra quem são os mandantes (os criminosos) e os caminhos dos roubos (os crimes sendo praticados), tudo embasado, demonstrado e provado por documentos.

No entanto, para os meus olhos leigos, talvez não seja a melhor pessoa para avaliar a autenticidade de suas provas. Não sou policial, nem advogado, muito menos juiz (aliás, não sou nem mesmo petista). O que eu quero (e exijo) é que os policiais, os advogados e os juizes façam o seu trabalho, como foram louvados no caso do mensalão.

Agora, a minha grande dúvida ainda é sobre um tal cpi da privataria. Gostaria muito de saber se haveria a mesma diligência, a mesma sofreguidão, o mesmo empenho demonstrados no mensalão petista.

Gostaria de saber se ocorreria igualmente nos momentos finais ou exatamente em período de eleição.

Gostaria de saber se mandantes criminosos de alta categoria, de cúpula de partidos nacionais, também seriam indiciados (e não somente alguns gatos pingados, só para dar o tom de que a tal cpi seria imparcial).

pô, CPI da Privataria Tucana.

Confesso que eu acharia interessante.

Anúncios

Circo de uma Justiça

5 de outubro de 2012

 

Eu não nutro a menor simpatia pelo político José Dirceu. Tenho restrições a sua tal trajetória; tenho dúvidas sobre seus projetos pessoais e históricos. Acredito que, em um julgamento verdadeiramente íntegro e consistente sobre sua atuação e manutenção do poder, algumas lições importantes de moral poderiam ser aprendidas, algumas ações sérias poderiam ser tomadas, medidas históricas poderiam ter sido encaminhadas.

Mas esse circo do STF nunca foi um julgamento de verdade, não é mesmo? Nunca houve a intenção de possibilidades alternativas, não é? Nunca deixou de ser somente e absolutamente um reles instrumento de politicalha baixa e rasteira.

Fico pensando em quanto tempo demorará para que se perceba o tamanho das forçações de barra, das bizarrices jurídicas, dos absurdos de lógica. E não nos enganemos: a porteira foi aberta, a hipocrisia ficou escancarada.

Daqui pra frente, a tendência é de queda livre. Pois, o salto foi dado.