Groucho and Marilyn

de repente, em um dos fios da vida, uma linha se enrosca com outras, mesmo que por alguns segundos.
Aqui, Groucho Marx em “Love Happy”, um dos seus últimos filmes para o cinema, já tendo realizado os seus filmes mais importantes (daí para frente, faria somente aparições esporádicas em trabalhos menores e programas de televisão). E Marilyn, em uma ponta rápida como (adivinhem) uma loura fatal, ainda alguns anos antes de estourar como A Marilyn Monroe.
“Love Happy” (‘Loucos de Amor’, no Brasil) é ruim, final de carreira melancólico para Groucho, e um começo de carreira não muito promissor para Marilyn. Mas, para nós, que sabemos o que advirá, é repleto de significados que o contemporâneos, obviamente, não poderiam adivinhar.

05_n

Explore posts in the same categories: Cinema

Tags: , ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s