Mergulhar

 

É como mergulhar,

sondar no escuro, lembrar seus olhos,

tatear suas coxas,

lambuzar sua vagina,

brincar seus seios,

os bicos dos seios.

 

É como se perder,

rondar no escuro em caminhos torcidos,

descobrir seu sono e sonhos somos irmãos,

penetrar labirintos gozosos.

 

É como. Amar.

 

 

Claudinei Vieira

mergulhar2

Anúncios
Explore posts in the same categories: Poemagem

Tags:

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s