‘On The Road’ de plástico

 

Os beats nunca fizeram muito minha cabeça. Não sei o porque, simplesmente uma sintonia diferente da minha, ou não os li na época certa.

Deles, o que mais me lembro e realmente me marcou foi o sentimento de inquietação. A busca, o sentimento de inadequação, o outro nível de consciência (ou a postura de quem possui um outro nível de consciência). Fosse como fosse, independente de qual viés um filme tomasse, é este sentimento de inquietação que deveria ser o fundamental, a sofreguidão, o anseio, as novas experiências. ‘On the road’, o filme, deveria ser desbragado, escancarado, ansioso. ‘On the road’, o filme, de Walter Salles, não faz isso.

Discordo veementemente quando dizem que Salles é um mau cineasta. Considero uma afirmação ridícula. Ele sabe filmar, sabe enquadrar, sabe montar uma história. Mas não possui a sofreguidão, o desespero por se expressar. Seus filmes são bonitos, bem montados. E vazios. Seu ‘On the road’ é bonito, bem montado, e vazio. Os atores realmente se esforçam e fazem um bom trabalho, Garrett Hedlund, Sam Riley, Kristen Stewart. A fotografia é muito bonita, e a câmera pessoal funciona. Isto é, uma boa produção. No entanto, o que deveria ser impactante, um ‘hino de uma geração’ passa como mais um filme, e somente. O poeta e jornalista Ademir Assunção diz tudo : “Walter Salles filma bem. Os atores são competentes. Mas há algo ali que me parece de plástico.” Exato.

 

 

Explore posts in the same categories: Sem categoria

Tags: , , , , , ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s