“Quem acabou com a Ditadura Militar no Brasil foi o General João Figueiredo!”

 

Creio ser óbvio que essa menina não tinha idade para entender a profundidade do seu gesto nem a repercussão de sua recusa em cumprimentar o ditador Figueiredo. Devia estar de birra ou revoltada em estar em um lugar muito chato e sem diversão. Com certeza, ao crescer deve ter compreendido melhor o simbolismo de sua ação.

Imagino. Pelo menos, espero.

Pois as coisas que acontecem e o modo como pessoas atualmente pensam é de deixar espantados. Como esse comentário pinçado pela Ana Helena Tavares, da página do ‘Quem Tem Medo de Democracia’ no facebook:

Quem acabou com o regime militar? Não vai me dizer que foi a campanha das diretas e a Fafa de Belém, fala sério. Quem acabou com o regime militar foi o General Figueiredo (prometo fazer deste país uma democracia). Eu não sei quem tem medo da democracia, mas João Baptista de Oliveira Figueiredo certamente não tinha.”

Quem acabou com a Ditadura foi o General Figueiredo! O verdadeiro ‘defensor’ da democracia brasileira!

Impossível saber como reagir a isso. Gargalhar? (foi a minha primeira reação natural) Ter medo? Soltar um peido?

Não faço ideia da idade do infeliz que fez tal comentário, mas para contrapor essa babaquice teve a ação (surpreendente e inesperada) dos jovens (bem jovens, que sequer nasceram nas rebarbas da ‘redemocratização’ do país) que picharam, xingaram, zoaram e espinafraram os militares que tiveram a soberba e o descaramento de comemorarem a data do Golpe Militar, e os tais jovens ainda por cima exigiram que os torturadores a serviço do terror estatal brasileiro sejam, afinal, julgados e devidamente condenados. Vale dizer que ninguém, nem o governo, nem o PT, fez tanto barulho (e, nesse ponto, não há nenhuma surpresa, basta observar a lerdeza e a extrema má vontade com o que os governos petistas tratam, ou deixam de tratar, os horrores das feridas ainda abertas da ditadura).

É provável que o infeliz-que-fez-tal-comentário tenha visto as manifestações. Mais provável ainda: deve pensar que os ditadores e torturadores torturavam e matavam para ‘salvar’ a democracia. Guiados, obviamente, pelo paladino democrático, o general ditador João Baptista de Oliveira Figueiredo.

 

 

 

Explore posts in the same categories: Sem categoria

Tags: , , , ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

4 Comentários em ““Quem acabou com a Ditadura Militar no Brasil foi o General João Figueiredo!””

  1. wilmar Says:

    Militar e melhor !

    Curtir


  2. entendi mt bem então não foi Figueredeo sem ele não aceitasse a democracia não aconteceria com certeza vai meter com militares então

    Curtir

  3. João Says:

    Cara o general João Figueiredo morreu a toa porque no Brasil não existe democracia o único meio democrático que existe e a internet o Brasil na ditadura militar cresciam 15% por ano e hoje sem a ditadura militar tem um crescimento de 2% al ano hoje Brasil esta cheio de corrupção e de alto índice de violência cada vês maior o Brasil precisa dos heróis militares de novo no poder

    Curtir

  4. Diego Says:

    Você não entendeu o comentário. Dá uma lida nesse blog http://gustavo-livrexpressao.blogspot.com.br/2008/06/como-acabou-ditadura.html

    Curtir


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s