Pinheirinho : Reintegração de sangue

Domingo de manhâ, dia 22 de janeiro, helicópteros já sobrevoavam Pinheirinho a partir das 06:00. As balas são de verdade, e o terror também. Em São Paulo, rasga-se a democracia, fere-se e mata-se e desaloja-se mais de 1600 famílias para garantir a posse de terra (princípio mor capital do capitalismo o mais selvagem) para um bandido reconhecido, afamado e condenado, Naji Nahas.

Polícia Militar, o prefeito Eduardo Cury de São José dos Campos, o governador Geraldo Alckmin, a juíza Marcia Loureiro, os bandidos-cúmplices, alegres carrascos.

concentração para um massacre

Juiza Marcia Loureiro prefeito Eduardo Cury

Explore posts in the same categories: Sem categoria

Tags:

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s