Estou falando até demais

Bactéria, o Bac, o Anselmo Luis, é o verdadeiro guerrilheiro das letras. Do seu front, na Praça Roosevelt, e além, descortina esse horizonte (também online e, portanto, mundial), permeado de amigos (grandes figuras, embora nem sempre ‘gentís’ com certas baboseiras da mentalidade humana), cultura, inteligência, e algumas cervejas no caminho (claro, para acertar a mira). Cuidar da família, cuidar dos amigos, garantir sua integridade, são as batalhas do dia-a-dia. Matar um leão e deixar seus clientes à vontade é sua rotina. Não é à toa que o Sebo do Bac tornou-se referência e ponto de encontro de discussões, grandes papos, com a grande probabilidade de se encontrar com livros que somente ele consegue achar. Este é o Bac, meus camaradas, e sinto orgulho em dizer que compartilhamos vários ideais, de vários inconformismos e dizer que, sim, somos amigos.

Compartilhamos paixões. O encontro da Galeria hoje, assim como os Desconcertos na Roosevelt, possuem essa principal característica: é uma reunião de amigos, extremamente talentosos e profundamente apaixonados pela sua arte, e que conseguem transmitir essa emoção e esta paixão com sinceridade, franqueza e beleza.

Em verdade, não há como descrever e não o tentarei. Já disse que quem esteve junto no encontro do ano passado o sentiu e percebeu. Deixe rolar o blues. A poesia vem junto. E também, para um evento que reúne Marcelo Montenegro, Mário Bortolotto, Pierre Masato, Fabiana Faleiros, Paula Klaus, Sérgio Mello, Ricardo Carlaccio, Fábio Brum, Marcelo Watanabe, Flavio Vajman, música, letras, e além, jam e pocket-show do ‘Saco de Ratos Blues’… Cara, não precisa dizer mais nada. Estou em verdade falando demais. POETAS NA GALERIA. Eu poderia até acrescentar que eu, esse desconcertábil que vos fala, e o Bac estaremos lá para recepcioná-los, mas não acrescentarei. E a Luciana e o pessoal da Galeria. Poderia falar do ambiente bacana e simpático do lugar. Mas não falarei. Não é necessário.

Anúncios
Explore posts in the same categories: Sem categoria

Tags:

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

2 Comentários em “Estou falando até demais”

  1. desconcertos Says:

    (opa, consegui resgatar o comentário. tou um pouco atrapalhado com as configurações, mas acho que agora vai ficar fácil comentar. )Bela noite, Ademir. E ainda bem que você esteve presente. Embora nem tenha falado tanto do Hair quanto eu havia prometido… Abraços

    Curtir

  2. Ademir Muniz Says:

    Porra Claudinei, gostaria muito de ir, mesmo. É uma falta imperdoável de minha parte não ver a minha Paula lá lendo seus escritos que eu tanto gosto. Mas por mais estranho que possa parecer; eu tenho problemas. E um montão deles resolveu aparecer por esses dias. Então por conta deles, não irei.
    Grande abraço.

    Curtir


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s